Dicas para manter sua criança segura nas mídias sociais

Este artigo dá uma olhada em algumas das principais perguntas que os pais estão fazendo e maneiras práticas de apoiar seu filho on-line. The world is shrinking around us; information is easier to access, devices are far more portable and people are becoming more connected. For parents, this means that they are having to face the dilemma of providing online access to their children at a far earlier age.

Como você sabe se seu filho está pronto e o que pode ser feito para protegê-lo quando estiver on-line?

Meu filho tem idade suficiente para ter uma presença on-line?

Como muitos de nós sabemos, a idade não é uma grande medida de maturidade. Em minha carreira de professor, vi jovens de 10 anos que poderiam dirigir empresas multimilionárias e jovens de 18 anos que carecem de todo tipo de senso comum. Infelizmente não há uma abordagem única para a segurança on-line, e como pais precisamos usar nosso próprio julgamento e compreensão de nossos filhos para orientar o processo de tomada de decisão.

Embora existam muitos benefícios para criar um perfil online ou endereço de e-mail para seu filho, devemos estar cientes dos possíveis perigos e permanecer sempre vigilantes.

Algumas perguntas-chave a se fazer são:

Por que eu acho que meu filho precisa de um endereço de e-mail / conta de mídia social?
Em primeiro lugar, dedique algum tempo para pensar sobre esta questão e anotar algumas idéias. É esta pressão de seu filho porque "todos os meus amigos já têm uma" ou existem benefícios educacionais e de desenvolvimento chave para entrar online agora.

Meu filho está pronta social e emocionalmente?
You know your child best. If you feel that they are emotionally capable of understanding both the benefits and risks of being online, then maybe the timing is right. Are they socially able to communicate with others and make decisions that will protect them from possible risks? If you feel your child might not quite be ready then don’t feel pressured to get them online. Take time to do your research and explain to your child the reasons behind your decision. Rushing into online access without proper consideration and forethought could put your child at risk.


Acho que meu filho está pronto - que medidas devo tomar agora?
If you feel your child is socially and emotionally ready to join the online community, then begin by sitting down and starting a conversation.

Lembre-se, esta é uma parceria e não uma ditadura.

By creating open two way communication, you are more likely to empower your child to make the right decisions and seek support when needed. Some steps to consider include:

Estabelecer expectativas e diretrizes claras
At the start of your journey it is important to sit down with your child and discuss what the benefits and risks of going online could be. Take time to listen to your child’s ideas and concerns, as these will help you develop meaningful expectations as you move forward. From here work together to create a list of mutual expectations and guidelines – it is ok that some of these may be more beneficial to one party or the other, however the key is to discuss and be willing to negotiate. If your child feels you understand them and are being fair, then this process will be far easier and pleasurable. Depending on the age of your child, you may wish to display these expectations near the computer and use them as a common language for discussions.

Sem esquilo secreto
Embora todos nós gostemos de ter um certo nível de privacidade, é importante que seu filho saiba que o acesso à Internet é um assunto público e familiar. Como pais, devemos tentar não ficar olhando para trás do pescoço de nosso filho enquanto ele se dedica a seus negócios on-line, devemos fazer um esforço para perguntar-lhes sobre o que eles estão fazendo e interessar-nos por seu trabalho e realizações on-line. Fazer perguntas e dar feedback é uma ótima maneira de verificar sua atividade online, sem se tornar um membro do serviço secreto.

Dispositivos familiares, não dispositivos pessoais
Todos nós sabemos que é importante ter o computador de casa em um espaço público na casa da família. Entretanto, agora é mais comum que os membros da família tenham um dispositivo pessoal que usem. Isto traz consigo benefícios e perigos adicionais - assim, cria-se a expectativa de que telefones, tablets e outros dispositivos sejam usados em um espaço público na casa da família. Também deve ficar claro que nenhum dispositivo é propriedade de uma pessoa, porém são itens familiares compartilhados que devem ser abertos e utilizáveis por todos.


São certas aplicações sociais e websites mais seguros para meu filho usar
There are not necessarily good and bad social apps & websites, however the way in which they are used is what is important. Apps like Snapchat which delete content shortly after sending, make it harder for parents to monitor online activity and protect their children.

Como pais, devemos avaliar os benefícios e riscos de cada aplicação e website, usando nosso próprio julgamento para determinar a simpatia da criança. Esta pode ser uma tarefa onerosa para os pais, exigindo que eles instalem e utilizem o aplicativo para determinar a sua adequação. Na minha opinião, aplicativos como Snapchat devem ser reservados para jovens adultos, com outras opções mais seguras e abertas sendo melhores para crianças menores.


Por Jay Thompson
Chefe de Tecnologia Educacional (K-12),
XCL Academia Mundial